Quatro inovações brasileiras entre as vencedoras mundiais do “Prêmio para Inovação em Embalagens da Dow”

Quatro inovações brasileiras entre as vencedoras mundiais do “Prêmio para Inovação em Embalagens da Dow”Dow entregou no dia 12 de dezembro o “Prêmio para Inovação em Embalagens de 2018” para as empresas brasileiras que estiveram entre as ganhadoras da edição de 2018. A iniciativa celebra as maiores inovações no setor em termos de design, materiais, tecnologias e soluções para o mercado de embalagens.

Ao lado de cases globais vencedores, houve quatro da América Latina, todos eles brasileiros: Wave Seal Technology (Wave International), para a tampa Wave feita de alumínio selável; Danoninho para Levar (Danone Brasil), voltado para o lanche infantil; KitKat Celebreak Box (CBA B+G), pela criatividade em seu design de embalagem ; e o Removedor de Manchas Qualitá (GPA), feito com um recipiente plástico com 70% de resina reciclada proveniente das próprias estações de reciclagem da empresa.

“Todos os anos recebemos centenas de projetos com soluções de grande valor, mas em 2018 as empresas se superaram. Esta é uma prova do compromisso de empresas de todo o mundo para atender às necessidades dos clientes e enfrentar os desafios globais. Estamos felizes em poder organizar um prêmio tão importante para a indústria e receber cases que inspiram e nos fazem sempre buscar o que há de mais recente em inovação. Os cases vencedores na América Latina mostram que a região está seguindo as tendências globais, trazendo soluções que atendem às necessidades de empresas e consumidores”, afirma Daniella Souza Miranda, Vice-Presidente Comercial da Área de Plásticos da Dow na América Latina.

O grande vencedor do ano de 2018, com o Diamond Award, foi o case embalagem Air Assist da Procter & Gamble, uma inovação revolucionária em desempenho e sustentabilidade para embalagens utilizadas tanto no comércio virtual quanto varejo convencional. A tecnologia de embalagem para líquidos utiliza gás comprimido para conferir rigidez sob medida para a estruturação do filme flexível.

O 30º “Prêmio para Inovação em Embalagens de 2018 da Dow” é uma continuação do reconhecido “Prêmio DuPont para Inovação em Embalagens”, programa de premiação mais antigo do setor, julgado de forma independente, que foi lançado em 1986. Como nos anos anteriores, o corpo de jurados foi formado por especialistas em embalagens com histórico e diferentes formações acadêmicas, a fim de garantir o alcance global da premiação. Entre os itens avaliados estão o design, a engenharia e o varejo. No total, foram avaliadas mais de 200 inscrições de soluções desenvolvidas por empresas de 30 países.

(Fonte: Blog do Plástico / Assessoria de Imprensa da Dow, 20 de dezembro de 2018)