Produção de celulose e papel cresce no primeiro semestre

Produção de celulose e papel cresce no primeiro semestreO setor brasileiro de celulose e papel encerrou o primeiro semestre de 2013 com saldo positivo na produção e no consumo, conforme levantamento de conjuntura da BRACELPA (Associação Brasileira de Celulose e Papel). No acumulado, a produção de celulose atingiu aproximadamente 7,25 milhões de toneladas, com alta de 4,8% sobre o volume do mesmo período de 2012, que foi de 6,92 milhões de toneladas. Em volume, as exportações no semestre cresceram 8,4%. Em junho, foram produzidos 1,19 milhões de toneladas de celulose, 9,8% a mais do que no mesmo mês do ano anterior.

Quanto ao papel, a produção somou cerca de 5,10 milhões de toneladas no semestre, 1,5% a mais do que nos seis primeiros meses do ano passado. Desse total, 841 mil toneladas se referem à produção de junho, com pequena variação de 0,7% a menos do que a de maio deste ano. Já o volume de vendas no mercado doméstico, que somou 2,70 milhões de toneladas, com destaque para papéis para embalagem e para fins sanitários, teve alta de 4,4% no semestre, comparativamente ao mesmo período de 2012.

Com relação à receita das exportações de celulose e papel, de janeiro a junho de 2013, houve um crescimento de 4% na arrecadação, totalizando US$ 3,45 bilhões, contra US$ 3,32 bilhões no mesmo período do ano passado. As vendas de celulose para a China, que é o segundo maior mercado para o produto brasileiro, somaram US$ 731 milhões, com aumento de 18,9%, enquanto que para o principal mercado, a Europa, a receita caiu 2,3% no período, acumulando US$ 1,03 bilhão.

(Fonte: Professional Publish, 30 de julho de 2013)