Inovação ao alcance das mãos

Inovação ao alcance das mãosAtentas ao constante aumento da demanda – que deverá crescer ainda mais devido à Copa das Confederações e à Copa de 2014 – os três fabricantes de latas de alumínio (Rexam, Crown e Latapack-Ball) estão apostando na inovação para alcançar resultados ainda melhores em 2013. Novas técnicas de impressão e diferentes formatos de latas fazem parte do planejamento dos fabricantes para este ano.

A Rexam, por exemplo, tem focado cada vez mais em novas tecnologias de impressão de rótulos, como é o caso do recente lançamento das latas da promoção “Descubra sua Coca Cola Zero”, nas quais a empresa customizou a produção em massa dos rótulos com diferentes nomes de consumidores. Outra novidade da empresa é a lata da Brasil Kirin Planeta Atlântida, que terá duas tintas termocrômicas inéditas na América do Sul.

“Diferente das tintas termocrômicas usadas atualmente, que mudam de “transparente” para outra cor, geralmente o azul, essas tintas têm variação de cor para cor. Essa foi a maior área de aplicação da tinta em latas já produzidas na América do Sul e uma das maiores do mundo”, revela o diretor comercial da Rexam, Renato Estevão.

Além dos investimentos em novas técnicas de impressão, as empresas têm inovado cada vez mais nos formatos das latas. Ideal para o compartilhamento de bebidas entre consumidores, um novo latão de 24oz (710 ml) foi lançado no ano passado e já é sucesso de vendas. A cerveja é uma das bebidas que apresenta mais variedades de formatos e vem ganhando cada vez mais espaço entre os compradores. Atualmente existem as latas sleek de 9,1oz (269 ml) e 10,5oz (310 ml), a tradicional de 12oz (350 ml) o latão de 16oz (473 ml) além da “gigante” de 24oz (710 ml).

Para o diretor comercial da Rexam, o crescimento da lata no mercado de cerveja nos últimos anos está diretamente relacionado ao lançamento de novos tamanhos e tipos de latas disponíveis no mercado. “Os fabricantes de cerveja têm explorado bem os novos formatos para direcionar a bebida a diferentes ocasiões de consumo e preferências dos consumidores”, opinou Renato Estevão.

O aumento do consumo de bebidas em lata, a construção de novas fábricas e a inclusão de novos formatos são indicadores de um cenário positivo para as indústrias do setor. O presidente da Crown Embalagens, Rinaldo Lopes, acredita que o importante é estar preparado para os eventos esportivos que devem aquecer ainda mais o consumo no país.

“Acreditamos que a demanda continuará aquecida em 2013 por conta da Copa das Confederações e devemos experimentar um crescimento de 7% a 8%”, prevê Lopes.

(Fonte: Notícias da Lata, n.40, 14 de fevereiro de 2013)