Euromonitor International identifica as cinco principais tendências de beleza nos países da América do Norte e do Sul

Euromonitor International identifica as cinco principais tendências de beleza nos países da América do Norte e do SulO estudo de mercado, que a empresa Euromonitor International publicou em 19 de fevereiro, identifica as cinco principais tendências de beleza em 14 países da América do Norte e do Sul.

O estudo relata que a venda direta representa mais que um quarto de todas as vendas em Beleza e Cuidado Pessoal na América Latina, o que mostra ser a representação regional mais alta em Beleza e Cuidado Pessoal do mundo. Para produtos específicos, os cosméticos massivos representam mais de 90% do valor das vendas em todos os países da América Latina, já os cosméticos premium representam 35% das vendas nos Estados Unidos e Canadá.

“Os países da América continuaram sendo um hemisfério dinâmico para os produtos de Beleza e Cuidado Pessoal em 2012 com maior potencial de crescimento para 2013”, diz o Gerente de Estudos de Mercado para América latina, Sean Kreidler. “A América Latina é muito ativa em expandir as informações com os consumidores de base através da venda direta e da expansão de lojas de varejo modernas. Na América do Norte, os Estados Unidos e Canadá lideraram em relação à inovação de produtos e em relação às experiências de compra dos clientes”.

Os vendedores diretos continuam a ganhar espaço na Argentina e liderar o mercado na Bolívia. Por outro lado, o Brasil é visto como mais tendencioso para o varejo de loja, com a expansão de vendedores de loja especializados. Muitos outros países da América Latina estão experimentando um grande crescimento de varejo em que farmácias e hipermercados buscam alcançar os consumidores onde apenas os vendedores diretos antes se aventuravam.

Os consumidores de renda média lideram o crescimento de beleza e cuidado pessoal pela América Latina, mais notavelmente no Brasil e Peru. Economias sólidas estão abrindo um espaço ainda maior para a classe média em grande parte da região, cuja renda disponível em expansão ajuda a abastecer a demanda por Beleza e Cuidado Pessoal. Por outro lado, Argentina e Venezuela continuam a combater a crescente inflação que desgasta o poder de compra do consumidor.

O cuidado pessoal masculino continua a brilhar na Bolívia, Brasil, Canadá, Chile, Costa Rica, Peru e nos Estados Unidos; no entanto, o cuidado pessoal masculino terá que se esforçar um pouco mais na Colômbia, na República Dominicana e Equador, onde o futuro potencial está nos homens, que têm aumentado o seu poder de decisão em relação ao consumo.

Os produtos premium continuam crescendo no Chile, Costa Rica e México e ainda são prioridade para muitos consumidores na Venezuela, apesar das pobres condições econômicas. No Canadá, as marcas premium estão retomando o crescimento.

A inovação de produtos está crescendo rapidamente na Bolívia e no México. Os Estados Unidos e Canadá estão se concentrando no desenvolvimento avançado de tecnologia para a pele, e a demanda por produtos que contém ingredientes naturais apresentam um crescimento de oportunidades na Colômbia, Costa Rica e na República Dominicana.

(Fonte: Cosméticos BR, 25 de fevereiro de 2013)