Embalagem é determinante para o sucesso ou fracasso do produto no ponto de venda

Embalagem é determinante para o sucesso ou fracasso do produto do ponto de vendaCerca de 70% das decisões de compra são tomadas na frente das gôndolas, sendo que 50% destas são feitas por hábito. E mais: o consumidor fica, em média, 15 segundos na frente de uma gôndola e foca sua atenção no máximo 1,6 segundos em cada ação no ponto de venda.

Os dados obtidos em uma pesquisa da Nielsen comprovam o que especialistas de varejo defendem: a embalagem exerce grande influência na hora das compras, exercendo, em muitas vezes, o papel determinante para a compra – ou não – de um produto.

Nos dias atuais, a embalagem fala cada vez mais sobre o produto, e isso vai além do fator estético. Uma boa embalagem é aquela que, além de chamar a atenção por seu design, transparece os valores da marca, a preocupação com a conservação do produto, respeita a legislação vigente e agrega sustentabilidade em seu processo de fabricação, reduzindo, por exemplo, estruturas de filmes sem comprometer sua resistência.

Como explica o Diretor de Negócios da Camargo Cia de Embalagens, Felipe Toledo, o produto a ser embalado precisa que seus atributos e qualidade sejam visíveis ao consumidor, e nesse sentido a embalagem que melhor desempenhar esse papel ganhará destaque no ponto de venda e a preferência na hora das compras. “A embalagem exerce um papel estratégico capaz de definir todo o ciclo de compra, impactando o consumidor por várias razões, seja pelo design diferenciado, outras por sua clareza nas informações sobre o produto, por sua praticidade de uso e até mesmo por serem ecologicamente corretas”, diz.

Toledo lembra que o inverso também merece atenção, já que embalagens de má qualidade, seja por sua barreira de proteção, design ou falta de clareza interfere diretamente no fracasso de vendas. “Cabe à embalagem vender o produto da melhor forma, e isso se torna ainda mais relevante quando falamos em lançamentos de produtos, pois a clareza da mesma será determinante para seu sucesso ou fracasso, já que seu conteúdo ainda é desconhecido. Em um primeiro momento, o que venderá o produto será, sem dúvida, a embalagem e o impacto visual que ela causou no consumidor”, pontua.

Atributos de uma boa embalagem:

  • Desperta o desejo de compra
  • Deixa claro o que é o produto
  • Ressalta os valores da marca
  • Valoriza os atributos do produto
  • Conserva adequadamente o produto
  • Segue as diretrizes para proteção, acondicionamento e transporte do produto
  • Respeita a legislação vigente exigida pelos órgãos fiscalizadores

(Fonte: Ventila Comunicação, 06 de novembro de 2018)