Braskem na Rio+20

Braskem na Rio+20A Braskem se apresentou com participação efetiva e concreta na Rio+20. Maior petroquímica das Américas, apoiou alguns dos mais relevantes eventos da Conferência e atuou na demonstração de tecnologias em prol da inovação no desenvolvimento sustentável. A Braskem foi, ainda, fornecedora oficial de materiais de apoio à conferência das Nações Unidas, por meio do seu Plástico Verde.

No Riocentro, no Parque dos Atletas e nos demais locais onde aconteceram os encontros, circularam entre os credenciados, 50 mil ecobags e 50 mil squeezes, todos produzidos com o Plástico Verde da Braskem, polietileno fabricado a partir do etanol de cana-de-açúcar, matéria-prima renovável.

Além disso, esteve em funcionamento na Rio+20, uma usina de reciclagem que transformou resíduos plásticos em peças de mobília de madeira plástica. A iniciativa foi uma parceria da Braskem com a empresa de engenharia ambiental Cetrel para mostrar novas possibilidades de aproveitamento do plástico, criando um novo ciclo após o seu consumo. A usina funcionou no Parque dos Atletas, um dos pontos centrais do evento. O público presente pode conhecer todo o processo de confecção dos móveis – bancos, floreiras e lixeiras.

A Braskem também foi signatária do Manifesto da Rede Brasileira do Pacto Global, juntamente com outras duzentas empresas e organizações, que é um compromisso público com o desenvolvimento sustentável. O Comitê Brasileiro do Pacto Global, do qual a Braskem faz parte com outras 34 empresas, liderou a elaboração do documento que contém dez compromissos e cinco aspectos de políticas públicas que podem alavancar a escala da contribuição empresarial para a sustentabilidade e foi entregue ao Ministério do Meio Ambiente no último dia 18.

(Fonte: Braskem, junho de 2012)