Brasil encerra 2013 com US$ 6,6 bilhões em carne bovina exportada

Brasil encerra 2013 com US$ 6,6 bilhões em carne bovina exportadaAs exportações de carne bovina brasileiras atingiram a marca de US$ 6,6 bilhões, um crescimento de 13,9% em comparação ao ano anterior, superando as expectativas para 2013. De acordo com análise da ABIEC (Associação Brasileira das Indústrias Exportadoras de Carne), os resultados positivos foram especialmente impactados pelo incremento do mercado asiático, que registrou crescimento das vendas para Hong Kong com índices de 75% no faturamento e 63% em volume. Além disso, o país registrou aumentos nas exportações para a Rússia, Venezuela, Estados Unidos e Argélia.

Considerando somente o mês de dezembro, houve um aumento nas exportações para a Venezuela, que fechou o mês na segunda posição entre os maiores compradores da carne bovina brasileira, e do Irã, que ocupou o quinto posto, com um aumento de 173,9% em volume e de 147,7% em faturamento.

O Brasil registrou ainda recordes nos resultados mensais de faturamento em 11 dos 12 meses de 2013, se comparados com os mesmos períodos dos anos anteriores. A única exceção foi março, que teve faturamento inferior ao registrado no ano de 2011.

A carne in natura fechou o ano como a categoria mais desejada pelos importadores, totalizando faturamento de US$ 5,3 bilhões e volume exportado de 1,18 milhão de toneladas.

De acordo com Antônio Jorge Camardelli, presidente da ABIEC, o ano passado foi “excepcional” para a agropecuária brasileira. “Acreditamos em um 2014 ainda mais positivo, culminando em um novo recorde de faturamento ao atingirmos a marca de US$ 8 bilhões”, afirmou.

Os primeiros passos neste sentido já estão sendo dados com a publicação de nota de compromisso mútuo entre Brasil e Estados Unidos para incentivar o comércio agrícola entre os países e o recebimento de missões de diversas nações que possuem algum embargo à carne brasileira, como a Arábia Saudita.

(Fonte: Globo Rural Online, 15 de janeiro de 2014)