A BOBST vai abrir nova fábrica em Itatiba-SP refletindo seu compromisso e crescimento na América Latina

A BOBST vai abrir nova fábrica em Itatiba-SP refletindo seu compromisso e crescimento na América LatinaO Grupo BOBST anunciou que irá abrir em 2020 uma nova fábrica em Itatiba (SP), em sinal de seu compromisso com seus clientes no Brasil e na América Latina. O novo local, próximo à fábrica existente, dará maior eficiência à operação, proporcionando ainda mais suporte aos clientes, otimizando as linhas de produção e serviços da BOBST na região.

A nova fábrica deverá estar finalizada no segundo trimestre de 2020, ocupando uma área de 6.000 m² que está localizada a aproximadamente 4,5 km da fábrica atual, e 6,0 km do centro da cidade, próximo a outras grandes empresas que operam nessa região.

A instalação será construída com as últimas tendências da engenharia moderna. A sustentabilidade será prioridade – energia fotovoltaica, telhado verde, pavimentação de baixa impermeabilização, coleta e utilização de água da chuva, e programas de coleta seletiva são algumas das iniciativas a serem implementadas na nova fábrica.

A área administrativa está projetada para promover um clima de colaboração e inovação. O projeto também inclui um novo e inspirador Competence Center com área de treinamento, que permitirá ao time da BOBST demonstrar suas linhas de produtos diretamente aos clientes, proporcionando uma experiência sensorial e envolvente. Além de seus equipamentos de última geração, os visitantes poderão saber mais sobre os  outros serviços da BOBST, como manutenção, peças sobressalentes e treinamentos.

“Estamos muito orgulhosos em anunciar esse investimento, pois representa um passo importante nos planos de crescimento da BOBST na América Latina. Também é muito importante para nós manter a operação na cidade de Itatiba, de modo a não impactar a rotina dos nossos colaboradores.” disse Eduardo Petroni, CEO da BOBST Latinoamérica do Sul.

A nova fábrica é um passo essencial na estratégia de crescimento da BOBST na América Latina.

(Fonte: BOBST, 11 de julho de 2019)